24 Mai

Como mudar um hábito em 6 passos?

Como mudar um hábito em 6 passos?

Como verificámos no artigo “Hábitos de Sucesso, a quanto obrigas…” os nossos hábitos são formados desde a nossa infância, muito antes da formação da nossa capacidade intelectual.

Como podes começar?

Temos 6 passos para te ajudar a iniciares uma mudança de hábitos.

1. Autoconhecimento

Primeiro é necessário teres consciência de que necessitas mesmo de iniciar essa alteração de hábito e encontrar o teu propósito para essa mesma mudança. Necessariamente tem que fazer sentido para ti próprio para que possas passar à fase seguinte. 

Geralmente não mudamos hábitos porque somos pressionados por terceiros ou até mesmo para agradar a alguém. Nunca devemos desprezar a nossa própria vontade ou os nossos valores.

Nesta fase, tomada de consciência e valores, têm de estar de mãos dadas.

Antes de estabeleceres as tuas metas, tem a certeza que é isso mesmo que desejas e que tem significado para ti. Se realmente te fizer sentido estás no bom caminho.

2. Cria os teus objetivos

Como mencionámos anteriormente, os objetivos têm de estar alinhados com as tuas vontade e valores. Teu objetivo pode ser: deixar de fumar, emagrecer, acordar mais cedo, aprender um novo idioma, começar a correr todos os dias. 

Um vez estabelecido o objetivo, vamos começar a traçar metas!

3. Metas Inteligentes

Para criares um novo hábito que seja sustentável, é necessário criares pequenas metas atingíveis. Não vás “com muita sede ao pote”. Lembra-te, o nosso cérebro não reage bem às coisas que requerem muita energia.

Por norma, sempre que o nosso cérebro sente que uma tarefa vai exigir muito da sua performance, tem tendência a entrar em modo de poupança de energia e tenta dissuadir-nos daquela tarefa. 

Pequenos hábitos, é algo que podemos implementar no imediato de forma rápida, sem grande preparação e sem provocar-nos enorme desconforto.

Fazer este tipo de raciocínio:

O que é mais fácil?

  • Diariamente excluir a sobremesa ao almoço… ou eliminar os doces radicalmente?
  • Não comer hidratos de carbono e comer só saladas?
  • Outro exemplo: Se o objetivo é ganhar massa muscular, o que é mais fácil? Iniciar com 5 flexões diárias e caminhar por 10 minutos… ou inscrever-me no ginásio com frequência diária de 1hora?

Por vezes, fazemos metas tão exigentes que, só de pensar, ficamos exaustos e nem iniciamos.

Não é isso que queremos, pois não? O que se pretende é fazer o caminho, passo a passo. Temos de ser estrategas.

4. Mantém uma rotina

Tem de existir uma frequência nestes pequenos hábitos. A repetição de qualquer tarefa, ajuda o teu cérebro e o teu corpo a acostumar-se ao novo hábito. A frequência pode ser diária, 4 ou 2 vezes por semana. O importante é que seja consistente e frequente.

Cria um compromisso contigo próprio e com o objetivo a que te propões. Determina a frequência, o dia e a hora mais favorável para executar “aquela” tarefa e faz por  cumpri-la sempre.

5. Monitoriza o processo

A criação de um mapa visual pode ajudar-te a manter o foco nessa caminhada. Primeiro desenha uma linha que vai do ponto A ao Ponto B – onde o ponto A é onde estou ou como estou agora e, o ponto B é onde quero estar ou ser.

Estabelece também um prazo para chegares ao ponto B. Sê compassivo e justo contigo mesmo. Como mencionámos anteriormente, cria metas justas e atingíveis.

Desenha os pequenos hábitos que te levaram ao ponto B, e estabelece prazos razoáveis para cada um deles. Permite ao teu cérebro e corpo o tempo necessário para se habituarem.

6. Partilha as tuas conquistas

Não precisas de expor a tua evolução ao mundo todo se não quiseres, mas escolhe pelo menos uma pessoa da tua confiança para fazeres essa partilha. O importante é que essa pessoa  te apoie e  incentive a continuar.

O nosso cérebro gosta de receber feedback positivos, é uma recompensa pelo esforço realizado. Este incentivo vai impulsionar e motivar a que continues no teu processo de mudança. Atenção! Pessoas negativas não são bem-vindas neste processo.

Estas dicas são comprovadas em vários estudos, mas nunca é demais relembrar que não existem receitas para todos os seres humanos, cada pessoa reage de forma diferente. 

Mencionamos ainda que certos hábitos/vícios envolvem dependências químicas ou do foro cognitivo, que necessitam ser avaliadas por profissionais da saúde. Não inicies nenhuma mudança radical sem uma avaliação técnica prévia, como por exemplo: médico de família, psicólogo, nutricionista ou até mesmo um coach capacitado, para avaliar a tua prontidão para esta mudança.

Segue-nos nas redes sociais FacebookInstagram e Twitter, e subscreve o nosso canal do YouTube e fica a par das nossas novidades!

Telma Pinela
Sou a Telma, uma mulher de meia idade, mãe de uma adolescente à descoberta da vida, gosto de artes e música, dificilmente me encontrarão calada, onde estou sou a alma da festa. Adoro conhecer pessoas, partilhar experiências e encanta-me todo o potencial que o ser humano tem.As ideias e a criatividade sempre fizeram parte da minha vida, mas foi há 10 anos a esta parte que tudo começou, quando voltei à faculdade e iniciei um novo processo de aprendizagem.Completei o Mestrado em Educação Social com a especialização em envelhecimento ativo. Há 7 anos iniciei esta carreira profissional que me apaixona tanto na área dos idosos.Depois de começar a trabalhar com pessoas em final de vida, coisa impensável há 10 anos, pude constatar que realmente as estatísticas estavam corretas, de facto vivemos até mais tarde, mas como iremos chegar lá? Como será a nossa saúde e vitalidade?Todas estas perguntas fizeram nascer um projeto de Mestrado com o nome de Projeto (In)Forme-se. Pretendia-se responder à questão de partida. “Poderão as estratégias utilizadas neste projeto, contribuir para o aumento da Literacia e com isto contribuir para um envelhecimento saudável?” O Projeto trabalhou questões importantes sobre temas escolhidos pelos inquiridos, e essencialmente foi dedicado à promoção da saúde.Revisando a literatura, encontrei referência a uma profissão de “Health Coach” que desconhecia. Estava traçado mais um caminho. Após investigar, do que se tratava um Health coach, entendi que era isto que queria ser nos próximos anos. Procurei cursos na internet e encontrei a Certificação ministrada pela Floriane e a Danielle em Health and Wellness Coaching.O curso foi muito intenso, a Flor e a Danielle, seres fantásticos e excelentes profissionais, transformaram a nossa certificação em momentos maravilhosos de conhecimento interno.  (Não contem a ninguém, mas fui a chorona do grupo, eheheh)Quando terminei a certificação, a minha cabeça já borbulhava ansiosa por um novo projeto e foi aí que surgiu a ideia da REBORN4LIFE. Construir um espaço onde pessoas que querem melhorar os seus estilos de vida e ganhar mais saúde, possam encontrar os seus pares e adquirir conhecimento científico sobre assuntos saúde e bem-estar.Certificações:Licenciatura em Educação Social Mestrado em Educação social Gestão e Coordenação da Formação - 150h E-formador – Nível Avançado - 50h Certificação Health & Wellness Coaching - Portugal _3ª Ed - 125h Curso Intensivo em Psicogerontologia - 32h Organização de eventos nacionais e internacionais - 25h Cuidados de Higiene, Conforto e Eliminação - 14h Gestão do Tempo - 4h Oficina de Percursos Estéticos: Abordagens Originais sobre o Teatro do Oprimido Com Bárbara Santos Formação Pedagógica Inicial de Formadores B-Learning - 90h Prestação de cuidados a pessoas com dependência total - 7h Organização do Trabalho e Gestão do Tempo - 7h Primeiros Socorros Geriátrico - 7h Estágio nacional Algarve Marcial em Associação de Defesa Pessoal do Algarve Workshop Formação do Ator Com Lídia Franco Trainning in Project It's Up TO You(th)! em Horyzonty - Polónia Animação cultural - 50h Cuidados corporais - massagem integral - 50h em Profi Concept Técnicas de massagem - manobras, execução e efeitos - 50h Perfil e potencial do empreendedor – diagnóstico/ desenvolvimento - 25h Ideias e oportunidades de negócio - 50h Workshop de Reflexologia Workshop de Posturas Corretas Workshop de Diatética Chinesa Workshop de Massagem na Gravidez Workshop de Massagem na Criança Curso Refletir sobre problemas na contemporaneidade: Mediação e Filosofia aplicada á Educação Social -18h Instrutor Nacional de Kickboxing

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *